Chile

Desde 98, quando chegou as oitavas de final da copa do mundo, o Chile não tem resultados bons, em 2002 10º lugar nas eliminatórias e em 2006, em 7º. Só que em 2010, o futebol do Chile se reencontrou com o futebol, se classificando para a copa do mundo em 2º nas eliminatórias.

O time vem comandado por Suazo, artilheiro das eliminatórias. Bielsa(o técnico) soube aproveitar a nova geração de talentos para montar uma seleção que vai para o ataque com 3 jogadores. A defesa… não é de se confiar, sofreu 22 gols nas eliminatórias.

É bem provável que o Chile não supere a Espanha, mas pode brigar pela segunda vaga com a Suiça. Mas se o Chile se classificar vai jogar contra o grupo do Brasil e repetir 98, onde foi eliminado justo pelo Brasil…

Anúncios

Espanha

A fúria vem com um ótimo time e um grupo fácil, com Honduras, Chile e Suiça. Apesar disso, a seleção sempre perde com um time considerado favorito, em 2006 arrasou na primeira fase e nas oitava foi arrasada pela frança, em 2002 a mesma coisa, um ótimo time, um mal desempenho, na copa das confederações em 2009, foi eliminada sobre o fraco Estados Unidos.

Nas casas de aposta é apontada como favorita. Ganhou a Eurocopa de 2008 e teve um belo desempenho nas eliminatórias, com um 100%.

Joga com o melhor futebol da copa, com um ótimo setor ofensivo, com Xavi, Iniesta, Xabi Alonso, Silva, Villa e Torres.

Tem tudo para ganhar a copa, mas para isso tem que passar pelo Brasil.

Argélia

A argélia, eliminou o Egito, campeão da copa das nações, das repescagem para a copa do mundo, apesar disso, é uma seleção que não tem o mesmo nivel de seus adversários, um nivel até que quase igual, se estivesse em um grupo mais fácil poderia até se classificar, mas está com E.U.A e Inglaterra.

A seleção quer repetir 82, onde só foi eliminada por conta de uma armação da Alemanha e da Àustria, que deixou a Alemanha ganhar por um a zero, pois as duas se classificariam com esse resultado.

A copa africana de nações trouxe experiencia a Argélia, qu em seus disursos admite ser azarão. Vamos esperar, vai que ela supreende novamente…

Nova Zelândia

Quem enfretar a Nova Zelândia, pode ter certeza que terá moleza pela frente, uma seleção muito fraca que não deve nem pontuar nessa copa, parece que joga numa era diferente. O futebol não evolui lá , apesar da força física evoluir. A bola aérea é o seu ponto forte.

Só se classificou para a copa devido a mudança de eliminatória que a Austrália sofreu que  foi para a Ásia.  Alguns jogadores atuam na Inglaterra, mas falta rondagem.

Junto com coréia do norte, a maior disputa dos dois é saber quem ficará em ultimo. Se ela estivesse em um grupo com Coréia do Norte, Honduras e , podia até se classificar, mas não está…

Destaque – Ryan Nelsen

Clube:
Blackburn-ING
Posição:
zagueiro
Idade:
32 anos
Gols:
6

Calendário

15/06 – 08h30 Rustenburg
Nova Zelândia Bandeira - Nova Zelândia x Bandeira - Eslováquia Eslováquia
20/06 – 11h00 Nelspruit
Itália Bandeira - Itália x Bandeira - Nova Zelândia Nova Zelândia
24/06 – 11h00 Polokwane
Paraguai Bandeira - Paraguai x Bandeira - Nova Zelândia Nova Zelândia

Sobre o país

Fifa:78º no ranking Capital:Wellington
Área:270.467 km² Moeda:Dólar da Nova Zelândia
População:4.315.800 Idioma:Inglês (oficial)
Confira os 23 atletas convocados:

Goleiros: James Bannatyne (Team Wellington), Glen Moss (Melbourne Victory-AUS) e Mark Paston (Wellington Phoenix);

Defensores: Andy Boyens (New York Red Bulls-USA), Tony Lochhead (Wellington Phoenix), Ryan Nelsen (Blackburn Rovers-ING), Winston Reid (FC Midtjylland-DIN), Ben Sigmund (Wellington Phoenix), Tommy Smith (Ipswich-ING) e Ivan Vicelich (Auckland City);

Meias: Andy Barron (Team Wellington), Leo Bertos (Wellington Phoenix), Tim Brown (Wellington Phoenix), Jeremy Christie (FC Tampa Bay Rowdies-USA), Aaron Clapham (Canterbury United), Simon Elliott (sem clube), Michael McGlinchey (Motherwell-ESC) e David Mulligan (sem clube);

Atacantes: Jeremy Brockie (Newcastle Jets-AUS), Rory Fallon (Plymouth-ING), Chris Killen (Middlesbrough-ING), Shane Smeltz (Gold Coast United-AUS), Chris Wood (West Bromwich Albion-ING).

Itália

O time da itália não joga bonito, só que eficiente, ganhou várias copas jogando um futebol eficiente, para 2010 ela avem com um time velho e fraco, mas não se pode dizer isso da Itália, pois a maioria de seus titulos não foram com um futebol bonito.

Cannavaro, Buffon, Pirlo e Zambrotta, estão velhos e num mal momento. Para piorar, Totti e Del Piero estão machucados, os destaques da equipe.

Mais impressionante é o técnico treinar a seleção mais uma vez, até disse que é muito dificil uma seleção ser bicampeã.

Destaque – Gianluigi Buffon

Clube:
Juventus
Posição:
goleiro
Idade:
31
Gols:
0

Sobre o país

Fifa:5º no ranking Capital:Roma
Área:301.230 km² Moeda:Euro
População:60.157.214 Idioma:Italiano

Uniformes

Mais partidas

# Nome Periodo Jogos Gols
1 Fabio Cannavaro 1997- 127 7
2 Paolo Maldini 1990-2002 126 2
3 Dino Zoff 1968–1983 112 0
4 Giacinto Facchetti 1963–1977 94 3
5 Alessandro Del Piero 1995– 91 27
6 Gianluigi Buffon 1997— 90 0
7 Franco Baresi 1982–1994 81 1
Giuseppe Bergomi 1982–1998 81 6
Marco Tardelli 1976–1985 81 6
10 Gianluca Zambrotta 1999— 81 2

Maiores artilheiros

Jogador Periodo Gols (Jogos) Média de gols
1 Luigi Riva 1965–1974 35 (42) 0.83
2 Giuseppe Meazza 1930–1939 33 (53) 0.62
3 Silvio Piola 1935–1952 30 (34) 0.88
4 Roberto Baggio 1988–2004 27 (56) 0.48
Alessandro Del Piero 1995– 27 (91) 0.29
6 Adolfo Baloncieri 1920–1930 25 (47) 0.53
Filippo Inzaghi 1997–2007 25 (57) 0.44
Alessandro Altobelli 1980–1988 25 (61) 0.41
9 Christian Vieri 1997–2005 23 (49) 0.47
Francesco Graziani 1975–1983 23 (64) 0.36
Confira a lista completa:

Goleiros: Buffon (Juventus), De Sanctis (Napoli) e Marchetti (Cagliari)

Defensores: Cannavaro (Juventus), Chiellini (Juventus), Criscito (Genoa), Grosso (Lyon), Legrottaglie (Juventus), Santon (Inter) e Zambrotta (Milan).

Meio-campistas: Camoranesi (Juventus), D’Agostino (Udinese), De Rossi (Roma), Marchionni (Fiorentina), Marchisio (Juventus), Palombo (Sampdoria), Pepe (Udinese) e Pirlo (Milan).

Atacantes: Di Natale (Udinese), Gilardino (Fiorentina), Iaquinta (Juventus), Quagliarella (Napoli) e Giuseppe Rossi (Villarreal).

Eslováquia

Estrante na copa como país independente, pode ser uma das surpresas da copa, com uma grande campanha nas eliminatórias, passando fácil por Polônia, Republica Tcheca e Eslovênia.

A sorte continuou nos sorteios, com Itália, um time bem pior que o de 2006, Paraguai, que perdeu o destaque Cabañas e Nova Zelândia, qu tem tudo para ser o saco de pancadas do grupo.

Portanto, a classificação as oitavas é plausivel, com um time que mistura técnica e força, com o grande zagueiro Skrtel e o meia  Hamsik.

Cuidado com eles, podem aprontar…

Destaque : Martin Skrtel

Clube:
Liverpool-ING
Posição:
zagueiro
Idade:
25
Gols:
5

Sobre o país

Fifa:38º do ranking Capital:Bratislava
Área:49.035 km² Moeda:Euro
População:5.413.548 Idioma:Eslovaco (oficial)
Lista dos 29 pré-selecionados eslovacos:

Goleiros: Jan Mucha (Legia Varsovia/POL), Dusan Kuciak (Vaslui/ROM), Lubos Kamenar (Nantes/FRA), Dusan Pernis (Dundee Utd/ESC)

Zagueiros: Peter Pekarik (Wolfsburg/ALE), Martin Petras (Cesena/ITA), Martin Skrtel (Liverpool/ING), Lubomir Michalik (Leeds United/ING), Jan Durica (Lokomotiv Moscou/RUS), Radoslav Zabavnik (Mainz/ALE), Marek Cech (West Bromwich Albion/ING), Tomas Hubocan (Zenit San Petersburgo/RUS), Kornel Salata (Slovan Bratislava)

Meio campo: Kamil Kopunek (Spartak Trnava), Jan Kozak (Timisoara/ROM), Juraj Kucka (Sparta Praga/RTC), Miroslav Karhan (Mainz/ALE), Marek Sapara (Ankaragücü/TUR), Mario Pecalka (MSK Zilina), Stanislav Sestak (Bochum/ALE), Marek Hamsik (Napoli/ITA), Vladimir Weiss jr (Manchester City/ING), Miroslav Stoch (Chelsea/ING), Dusan Svento (Salzburgo/AUT), Zdeno Strba (Xanthi/GRE)

Atacantes: Erich Jendrisek (Schalke 04/ALE), Robert Vittek (Ankaragücü/ALE), Martin Jakubko (Ramenskoye/RUS), Filip Holosko (Besiktas/TUR)

Eslovênia

Nenhum jogador da Eslovênia acredita que é possível se classificar para as oitavas, ainda mais com um grupo com Argélia, Estados Unidos e Inglaterra. Apesar disso, o retrospecto nas eliminatória dá uma esperança para os eslovenos, a seleção eslovena eliminou Republica Tcheca e Russia, devido a sua forte defesa, só sofreu 6 gols em doze jogos das eliminatórias.

Mas, a Eslovênia também tem o objetivo de marcar seu primeiro ponto em copas, em dois mil e dois, perdeu os três jogos.

O segredo é se defender ao máximo para que possa pintar uma zebra por aí…

Destaque –   S. Handanovic

Clube:
Udinese-ITA
Posição:
goleiro
Idade:
25
Gols:
5 gols sofridos na Eliminatória

Uniformes

Sobre o país

Fifa:23º no ranking Capital:Liubliana
Área:20.273 km² Moeda:Euro
População:2.049.200 Idioma:Esloveno (oficial)
Fonte : uol e globo esporte